INFORMAÇÃO / Economia

image

Comissão mista do Congresso aprova subvenção para baratear o óleo diesel


O senador Dário Berger presidiu o colegiado e defendeu a continuidade do debate e ação efetiva do governo para resolver a alta abusiva dos combustíveis no Brasil de forma definitiva

A comissão mista que analisou a medida provisória (MP) 838/2018, presidida pelo senador catarinense Dário Berger (MDB), aprovou nesta quarta-feira (8) a concessão de subvenção econômica para a venda e a importação de óleo diesel no Brasil. A medida faz parte do acordo firmado entre o governo federal e os caminhoneiros para pôr fim à greve da categoria, ocorrida entre maio e junho deste ano. O relatório do deputado Arnaldo Jardim (PPS-SP) segue para análise da Câmara.

O senador Dário defendeu, durante as reuniões e audiências públicas realizadas pela Comissão, a continuidade do debate em torno do tema, que considera grave.

"A aprovação desta matéria é uma ação paliativa, de cumprimento do acordo que foi feito entre o governo e os caminhoneiros, mas a alta abusiva dos preços dos combustíveis no país merece a continuidade de um amplo debate e análise, inclusive, dos candidatos à presidência da República. Precisamos encontrar um caminho para que esse problema seja resolvido em definitivo e não de forma momentânea, com consequências graves ao Brasil e aos brasileiros", destacou Berger.

A política de preços da Petrobrás, considerada por Dário um dos motivos pela crise gerada em torno do aumento dos combustíveis, também foi criticada.

"Nós já alertávamos para esta questão da tribuna do Senado, com os aumentos sucessivos dos preços. Isso certamente não teria um fim desejável. E foi o que efetivamente aconteceu, com a paralisação dos caminhoneiros. Estamos cumprindo nosso papel em tempo hábil para que a medida provisória seja apreciada nos Plenários da Câmara e do Senado", afirmou.

Outro ponto destacado pelo presidente da Comissão ao longo dos debates, foi a necessidade de o subsídio se limitar ao diesel rodoviário. O apelo do senador foi atendido pelo governo, que editou nova medida provisória (MP 847) com objetivo de evitar a concessão de subvenção ao óleo diesel marítimo, ao óleo diesel usado no setor ferroviário e para a geração de energia elétrica. O texto da MP 847 foi incorporado na íntegra ao parecer final do relator.

O benefício para a comercialização do produto, que foi de R$ 0,07 por litro até o dia 7 de junho, permanece em R$ 0,30 até 31 de dezembro deste ano. O texto também concede subvenção de R$ 0,30 por litro nas importações de óleo diesel realizadas por distribuidoras.

O Poder Executivo limita os benefícios a R$ 9,5 bilhões. Se as subvenções alcançarem essa cifra antes do dia 31 de dezembro, o desconto é encerrado. Terá direito ao subsídio quem vender ou importar óleo diesel por preço igual ou inferior a um valor a ser estabelecido pelo governo federal. Segundo o texto, o preço de referência pode ser fixado regionalmente.

A MP 838/2018 ainda depende de regulamentação. Um decreto do Poder Executivo deve esclarecer quem está habilitado a participar do programa "Subvenção Econômica à Comercialização de Óleo Diesel Combustível de Uso Rodoviário". As distribuidoras devem informar à Agência Nacional do Petróleo (ANP) a situação dos estoques, além dos preços de aquisição do produto.

Tanto os comerciantes quanto os importadores são responsáveis "pela exatidão das informações prestadas" sobre a venda e a compra de óleo diesel. Se prestarem informações falsas, ficam sujeitos a penas como multa, apreensão de bens e produtos, suspensão de funcionamento do estabelecimento, cancelamento de registro e revogação de autorização para o exercício de atividade.

Relacionados

Alunos das duas Escolas Modelo de Rio do Sul que participam de um curso de robótica oferecido pelo Sesi estarão envolvidos a partir desta quinta-feira no Festival de Educação, Tecnologia e Inovação. Promovido pelo próprio Sesi até sábado, o evento vai reunir representantes de todo o Estado em atividades educativas e que envolvem a tecnologia e a inovação. Os alunos passaram por dois meses de aprendizado para cumprir tarefas neste evento. Será realizada uma competição de robótica, além de outras missões que envolvam a inovaç [...]

Ibirama recebe neste fim de semana, mais de 300 ciclistas de diversas cidades de Santa Catarina, para participar do 2º Desafio de Mountain Bike Vale de Aventuras. O objetivo do desafio é permitir que todos os competidores possam concluir a prova, superando seus limites. Para isso, a organização teve um cuidado especial na definição do trajeto, o que contou com o apoio do atleta de Downhill de Ibirama, Lucas Borba. De acordo com Angélica Krieser, uma das organizadoras do evento, o percurso pode ser pecorrido por qualquer competidor, com [...]

Apontar os desafios a serem enfrentados e discutir ações para garantir o pleno acesso de crianças e adolescentes às políticas sociais, como também, formular propostas para o enfrentamento das diversas formas de violência e elaborar ações para garantir a promoção da igualdade e proteção integral desse público. Estes foram os objetivos da XI Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, realizada no dia 11 de outubro, em Ibirama. Representantes de escolas e dos Serviços da Política de Assistência Social, co [...]

A Secretaria Municipal de Saúde promoverá uma ação de prevenção no próximo dia 27 direcionada às mulheres, em alusão ao "Outubro Rosa". Está sendo preparada uma palestra com a psicóloga Indianara Pandini com o tema "Saúde da Mulher: Prevenção". O evento será realizado no Salão Paroquial da Igreja Matriz de Rio do Campo a partir das 14h. No dia haverá sorteio de brindes e café da tarde gratuito. No mesmo dia, das 8h às 12h, a Unidade Básica de Saúde do Centro estará aberta para coleta de exames preventivos, testes rápido [...]

Fale conosco