INFORMAÇÃO / Economia

image

Campanha salarial dos trabalhadores têxteis se encaminha para o dissídio


Sinfiatec mantém proposta de 3,64% de reajuste e Sititev deve recorrer à justiça para obter um aumento justo para os trabalhadores
Sem acordo, foi assim que terminou a terceira reunião da Campanha Salarial 2018/2019 entre o Sititev e o Sindicato Patronal (Sinfiatec).

O Sinfiatec manteve a oferta de repasse da inflação (3,64%) e ainda quer o fim da homologação da rescisão do contrato de trabalho no sindicato. A cerca de vinte dias do fim da prorrogação da data base, a diretoria do Sititev avalia a possibilidade de recorrer à justiça para garantir os direitos dos trabalhadores.

Para a presidente do Sititev, o Sinfiatec não está disposto a negociar o que vai motivar um novo dissídio. "Nós fomos flexíveis, diminuímos o valor do reajuste reivindicado para 5%, mas nem este percentual, que ainda é muito baixo, a diretoria do Sindicato Patronal aceita repassar aos trabalhadores têxteis. É um absurdo a inflação eles já repassaram nos produtos deles, enquanto isso, os trabalhadores estão lutando para sobreviver com um salário que já está defasado. É impossível que um setor que cobra tanta produção, não tenha capacidade de dar um reajuste de 5%", defende Zeli.

Ela também critica a insistência do Sinfiatec em derrubar a cláusula que permite que o trabalhador tenha a rescisão de contrato conferida no sindicato. "Retirando este direito o Sinfiatec irá fortalecer os maus empresários e prejudicar muitos trabalhadores. Empresários sérios continuam indo homologar a rescisão no sindicato, antes mesmo do período obrigatório", revela a presidente.

Zeli diz que o Sititev queria evitar um novo dissídio, o terceiro consecutivo, mas que não está otimista quanto a isso. "Lamento que não houve acordo. Nós vamos continuar envolvendo toda a sociedade no debate, recebemos apoio e sabemos que nenhum desembargador vai deixar de ouvir um clamor que vem da sociedade. Em nossa região, o setor é muito forte, todas as famílias têm algum integrante trabalhando em empresas e facções têxteis, e todos sabem o quanto eles trabalham, que muitos adoecem em função da atividade e da cobrança excessiva de produção e estão sensíveis à causa", conta Zeli.

Ela pede que todos apoiem a luta da categoria por meio dos abaixo assinados que estão sendo levados às empresas, disponíveis no Sindicato e sub-sedes e também pela internet através do link: https://chn.ge/2Ozyr1J

Relacionados

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA AUDIÊNCIA PÚBLICA Nº 03/2019, PARA AVALIAÇÃO DO CUMPRIMENTO DAS METAS FISCAIS DO 1º QUADRIMESTRE/2019. A Câmara Municipal de Trombudo Central, através de sua Mesa Diretora e da Comissão Permanente de Finanças e Orçamento do Poder Legislativo Municipal, em consonância com as atribuições que lhes conferem a Lei Orgânica do Município, o Regimento Interno da Câmara Municipal, e em atendimentos ao Art. 9º, § 4º, da Lei Complementar Federal nº 101/00 de 04/05/2000 (Lei de Responsabilidade Fiscal), con [...]

A Câmara de Vereadores recebeu mais uma reunião ordinária nesta semana (segunda). Desta vez os vereadores estiveram reunidos e aprovaram "AS CONTAS DO EXERCÍCIO DE 2017, DO MUNICÍPIO DE TROMBUDO CENTRAL, SANTA CATARINA". Esta foi a reunião da terceira sessão legislativa, da décima quinta legislatura. Dentro das explicações pessoais o vereador Jean Carlo Damásio agradeceu as doações feitas no sábado (11) durante o pedágio para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae). Foram arrecadados cerca de R$10 mil para a [...]

A professora de Robótica e Educação Tecnológica do Colégio Sinodal Ruy Barbosa, Julia Vieira, foi convidada para atuar como juíza na etapa internacional do torneio de robótica - para crianças e jovens entre 9 e 15 anos. O evento será realizado entre os dias 29 de maio e 2 junho, em Montevidéu, no Uruguai. Os participantes precisarão construir robôs para cumprir missões, desenvolver valores e realizar uma pesquisa relacionada ao tema. "Fiquei muito feliz com o convite. É uma alegria aprender, ensinar e ver o despertar da curios [...]

A Câmara de Vereadores de Trombudo Central esteve mais uma vez reunida no mês de maio. Desta vez o encontro aconteceu na segunda-feira (20). Os vereadores estiveram reunidos na terceira sessão legislativa, da décima quinta legislatura. O grupo aprovou quatro projetos de Lei e encaminhou mais quatro para as comissões permanentes. O vereador Jean Carlo Damásio, depois de receber reclamações de alguns moradores, solicitou melhorias em alguns trechos de calçada e a instalação de guarda-corpo na Rua Nereu Ramos, no bairro Vila Nova. Al [...]

Fale conosco