INFORMAÇÃO / Tecnologia

image

Programa de Proteção Intelectual traz benefícios para empresas na hora de proteger a marca

A marca é um dos maiores patrimônios que uma empresa pode ter, mas nem sempre é valorizada na comunidade empresarial. Por isso, a Cerumar Propriedade Intelectual, de Rio do Sul, criou para a Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc), o Programa de Proteção Intelectual, o PRINTE. A solução empresarial fornece serviços de proteção e defesa de capital intelectual no âmbito de marcas, patentes, direitos autorais, segredo de negócios e muito mais.

Alguns empresários acreditam que o Nome Empresarial, registrado na Junta Comercial, dá a proteção para o uso do nome no mercado, porém marcas e nomes empresariais não podem se confundir. A marca identifica os produtos e serviços e o nome do próprio empresário, seja individual ou de uma sociedade empresarial. Muitas vezes as marcas são idênticas ou similares a nomes empresariais e isso pode gerar conflito e dificultar a solução, na medida em que são bens registrados em órgãos diversos.

"O empresário deve procurar por soluções seguras e de confiança, que forneçam serviços especializados com as devidas habilitações. Uma vez que um empresário deixa de registrar a sua marca, que trata-se de seu patrimônio intangível primordial, é sinal que este mesmo empresário não se preocupou ainda sequer com a proteção de suas invenções, tecnologias e segredos de negócio, o que é muito preocupante para o desenvolvimento local", ressalta Tiago Pisetta, coordenador do PRINTE.

As facilidades que o programa traz vão além da proteção da marca. O PRINTE oferece também aos associados à ACE (associações empresariais) descontos, parcelamentos e alguns serviços gratuitos. As empresas que ainda não registraram a marca e tem interesse de investir no patrimônio intelectual da empresa, basta procurar a associação empresarial mais próxima para mais detalhes.

Relacionados

A realeza da Festa Nacional da Cebola, em Ituporanga, visitou a Câmara de Vereadores de Trombudo Central. A rainha Alessandra Kuster e as princesas Andreia Hasse Padilha e Marilia Stank fizeram um convite aos vereadores. O evento será realizado entre os dias 4 e 7 de abril. A Festa Nacional da Cebola já está consolidada como a maior festa agrícola de Santa Catarina e chega em sua 25ª edição com muitas novidades. Shows nacionais, feiras, exposições, entretenimento, gastronomia, desfile de máquinas agrícolas, seminário da cebola e [...]

Sérgio Luis Schlatter Júnior ocupou a "Tribuna do Povo", na reunião da Câmara de Vereadores de Trombudo Central. Ele apresentou alguns estudos sócio-econômicos sobre o município. Destaque para o nível de escolaridade do nosso município. Apenas 7% dos adultos tem ensino superior completo - abaixo da média nacional. Além disso, as pesquisas também mostraram que muitos jovens estão deixando a cidade para buscar novas oportunidades de emprego. [...]

Uma moção, de autoria do vereador Jean Damásio, foi aprovada e deverá ser assinada por todos os vereadores. O documento pede um estudo do Dnit. O objetivo é buscar melhorias no acesso ao município de Trombudo Central, na rodovia BR-470. O desligamento das lombadas eletrônicas no local também preocupa e pode ocasionar novos acidentes no trecho. [...]

O vereador Marlon Goede ocupou a tribuna nesta semana, durante a reunião realizada na segunda, para informar que deverá conseguir a liberação de R$ 100 mil. O valor é referente a emenda do atual senador Esperidião Amin. O pedido foi feito junto com o vereador Fábio Ramos. A quantia deverá ser direcionada ao setor de Agricultura do município. [...]

Fale conosco